Como aumentar a conversão do checkout do meu e-commerce

No e-commerce, o termo checkout define o processo de fechamento e pagamento de uma compra no ambiente online. Tal processo pode ser determinante para o insucesso ou sucesso de uma loja virtual.

Em e-commerces otimizados, cerca de 10% a 15% dos clientes irão montar um carrinho de compras. No final, na média de mercado, 1,6% irão finalizar com sucesso.

Mas se 10% a 15% demonstram interesse e só 1,6% concluem, há diversos fatores que podem causar essa fuga. A principal e muitas vezes ignorada, é a usabilidade e funcionalidades no checkout.

Para aumentar a conversão, as vendas e diminuir o abandono de carrinhos, confira essas dicas:

Menos cliques é igual a mais compras por impulso

Ofereça uma experiência de fechamento com o mínimo de cliques possível tanto na primeira compra quanto nas subsequentes. Evite cadastros longos que pedem dados que não são importantes como RG, sexo, data de nascimento.

Alguns campos podem ser importantes para a área de marketing segmentar os clientes mas podem gerar perda de conversão. Nesse momento, o foco é vender. Portanto evite dados não relevantes.

Tente simplificar o checkout. Se possível, utilize apenas uma página para a realização do processo. Crie chamadas para a ação e botões intuitivos, objetivos e sem duplo sentido.

Soluções como o SmartCheckout® da plataforma e-commerce Vtex, que emprega apenas uma página, não requer login e armazena dados do cartão de crédito do usuário para facilitar a recompra são bem vindas.

De acordo com estudo da Webstrategies, as lojas virtuais que passam a usar sistemas de “compra com um clique” têm alta de 24% em suas vendas.

Menos distrações é igual a mais concentração para fechar uma compra

A página de checkout deve ter um Design minimalista. Você deve buscar uma solução que elimine todas as distrações que possam levar o seu consumidor para outra página ou desistir de fechar a compra.

Portanto, não insira banners, promoções, cross-selling ou upselling na página de checkout. Não faça perguntas para não tirar a atenção do consumidor. Todo o foco do usuário deverá ser conduzido para a finalização do pagamento.

Mais segurança é igual a maior possibilidade de fechar uma venda

Exponha os seus selos e certificações de segurança para criar no consumidor a sensação de que ele poderá digitar suas senhas e realizar operações financeiras tranquilamente no ambiente sem ser fraudado.

Próximo aos selos e certificações, você poderá incluir um telefone de socorro (tal como aquele que existe nos caixas eletrônicos físicos) para que o consumidor tenha uma via de escape caso algo dê errado.

Mais formas de pagamento é igual a menos desistências

Conforme dados da Federação Brasileira dos Bancos (Febraban), 40% dos brasileiros não possuem conta bancária. Um número ainda maior não possui cartão de crédito. Situações como essas podem gerar abandono de carrinho.

Para evitar desistências, procure oferecer formas de pagamento abrangentes como as opções de boletos bancários, carteiras digitais, cartões de crédito, débito online, dinheiro vivo na entrega do produto ou pagamento em casas lotéricas, entre outras.

Mais opções de frete é igual a menos chances de abandono de carrinho

Imagine uma situação em que um consumidor entra em sua loja virtual, separa um produto, faz o cadastro e, na hora de pagar, descobre um frete surpresa absurdo. Essa é uma frustração que você deve evitar em sua loja virtual.

Ao invés disso, procure oferecer diversas opções de frete com vantagens exclusivas para cada uma delas. Assim, o seu consumidor poderá escolher se quer pagar e agilizar a entrega ou se prefere um frete grátis com entrega mais demorada.

Mais acompanhamento das etapas de fechamento é igual a mais vendas

Muitos usuários entram em desespero quando não sabem o início, o meio e o fim de um processo, seja ele o de entrega ou o de pagamento de um produto no seu site e-commerce.

Portanto, ofereça uma página de checkout com etapas definidas para que o usuário saiba exatamente onde ele está e em quanto tempo poderá concluir o pagamento.

Inclua, por exemplo, etapas para “cadastro”, “opção de pagamento” e “finalização”. Além de orientar o seu usuário, você despertará nele o desejo de concluir um objetivo, que é algo natural no ser humano.

Mais atenção aos boletos é igual a maior aproveitamento das vendas

O boleto bancário é uma das formas mais utilizadas pelos brasileiros para fazer compras online. Contudo, a sua taxa de abstenção também é alta. Em média, 40% não são pagos.

O não pagamento pode acontecer por vários motivos. Por exemplo, valores muito altos não podem ser pagos nos caixas eletrônicos que possuem um limite de aproximadamente R$ 800,00; há usuários que não pagam porque pensam que o boleto lhes será entregue em casa; outros não têm impressora ou a impressora não possui tinta.

Enfim, você precisará explicar de forma concisa e objetiva como os seus consumidores poderão contornar esses transtornos para conseguir pagar os boletos.

Concluindo, melhore a User Experience (UX) e a Customer Experience (CX) do seu processo de checkout em todos os aspectos. Faça testes, avaliações e comparações entre modelos de páginas de fechamento de compras periodicamente e realize as otimizações necessárias para obter os melhores resultados possíveis.

VTEX - CTA - Ebook: Qual é a melhor plataforma de comércio eletrônico