Como aumentar a conversão da página de busca do meu e-commerce

A página de buscas é uma das ferramentas mais importantes de uma loja virtual. Dentro do nosso funil de vendas, que você pode ler a respeito aqui, ela é uma das páginas com mais acesso, portanto participa diretamente da conversão do e-commerce.

Ela funciona como um “cardápio” que fornecerá indicações para que os usuários possam realizar uma ou mais compras. Por isso ele é um importante termômetro que deve ser controlado e testado recorrentemente a fim de otimizá-la para conseguir vender mais e melhor.

Por se tratar de uma página ainda de navegação, que nos mostra estágios iniciais de compras, os testes devem sempre ser feitos recorrentemente e com foco direto no sentimento e momento do cliente.

Se bem feitos, você conseguirá aumentar a conversão da loja, a quantidade de itens médio da loja, o tempo de navegação, quantidade de páginas por visitante e diminuirá a taxa de rejeição. Ou seja, só há benefícios investir na melhoria dessa página.

Se você quiser conhecer mais a respeito do impacto do aumento da conversão, veja nosso artigo explicando mais a respeito.

Para aumentar a conversão da página de busca do seu e-commerce, você deve:

Facilitar encontrar e iniciar as buscas no e-commerce

Para oferecer mais praticidade aos visitantes da sua loja virtual, procure deixar o campo de buscas bem visível, preferencialmente no topo da página.

Insira (dentro ou em cima da caixa) dizeres como “O que você procura?”, “O que você deseja encontrar?” ou algo parecido. Ponha, do lado direito, um ícone com uma lupa para tornar o Design mais intuitivo.

Prepare um script do tipo “autocomplete”, que mostre sugestões de palavras-chave na medida em que o consumidor digita o nome do produto que pretende encontrar.

Sugira categorias para o termo-chave, isto é, se o usuário digitar “e-commerce” no campo de buscas, exiba uma lista de produtos nas categorias de livros, de DVDs, de revistas, etc.

Você também poderá preparar a sua caixa de buscas para expor os produtos mais vendidos que possuem a palavra-chave procurada. Isso poderá mudar os conceitos do consumidor e ajudá-lo na escolha.

Ainda na caixa de buscas, insira um botão com o nome “Visualizar todos os produtos e serviços relacionados a essa palavra-chave”. Se a pessoa clicar nele, ela deverá abrir uma vitrine com todos os produtos em lista.

Por fim, caso você tenha uma longa lista de produtos, ofereça as “Buscas Avançadas”, na qual o consumidor poderá procurar itens por nome, termo-chave, tipo, fabricante ou autor, entre outras categorias.

Veja um excelente exemplo:

consul-pagina-de-busca.jpg

Como podemos ver, a busca está bastante destacada, deixando claro por meio da frase “O que você está procurando hoje?” que é ali que o visitante deve pesquisar. O sistema já traz algumas sugestões das palavras mais pesquisadas.

Agora, quando eu escrevo “gela” o sistema já auto preenche com sugestões de geladeira, me apresentando algumas variações e também produtos.

Ajudar na navegabilidade do consumidor nas páginas de busca do e-commerce

Uma vez que o seu consumidor tenha feito uma pesquisa no campo de buscas da sua loja virtual e caído na vitrine de produtos, este precisará navegar com facilidade na lista. Lembre-se: ali é o cardápido e nada pior do que não entender nada ou não achar a comida que deseja.

Para tanto, insira (do lado esquerdo) um menu de filtros de categorias, cores, tamanhos, fabricantes, preços, tipos e de lojas (para o caso de o seu comércio online for um marketplace), etc.

É importante avaliar se o seu cliente aplica em uma única busca, múltiplos filtros. Se sim, você deve ter essa funcionalidade aplicada na página de busca.

Crie um sistema que permita que o usuário manipule a lista de resultados de pesquisa por “produtos com maior relevância”, “ordem alfabética”, “mais populares”, “mais vendidos”, “melhor avaliados” ou outras opções.

Se a sua loja possui diversos itens no mesmo carrinho, como por exemplo supermercado ou farmácia, permita com que o cliente adicione o produto diretamente da página de busca, sem ir para a página de produto. Você eliminará uma etapa e aumentará a conversão.

Orientar o consumidor durante o processo de busca

No decorrer da experiência de busca, mantenha seu consumidor bem orientado. Use, por exemplo, os chamados “breadcrumbs”, que mostram o caminho percorrido por ele dentro da sua loja virtual. Se o cliente precisar voltar à página anterior, ele terá um atalho.

Destaque o termo-chave que está sendo pesquisado, bem como o nome e os preços dos produtos. Se o contexto das buscas se der em um marketplace, informe também a quantidade de ofertas.

Indique ainda, a quantidade de produtos e serviços que existem na lista e o número de páginas nas quais eles estarão organizados para que o usuário possa calcular quanto tempo e esforço demandará para analisar tudo.

Uma boa estratégia pode ser o scroll infinito que funciona de maneira similar ao Facebook. Ao fazer o scroll até o final da página, o sistema automaticamente lê mais uma carga de produtos, alí na página, sem mudar. Isso torna a navegação mais fluida.

Encorajar a compra de outros produtos ainda na página de busca

No autocomplete do campo de buscas, nos resultados das pesquisas (abaixo da vitrine principal) e/ou até mesmo no rodapé da página, insira indicações como “mais produtos”, “mais vendidos”, “novidades”, “produtos relacionados à sua busca”, etc. Ofereça opções para que o seu consumidor possa perceber que pode exercer o direito de escolha.

Essa estratégia terá um grande impacto para lojas que não tem obrigatoriedade na entrada da página do produto. Por exemplo, no supermercado Mambo é possível comprar direto na busca, sem inclusive entrar na página.

cottage-pagina-de-busca.jpg

Oferecer a chance para o consumidor abrir negociação com um vendedor enquanto busca um produto

Crie um banner com indicações do tipo “Atendimento via Skype”, “Atendimento via WhatsApp”, “Atendimento via e-mail” ou outro semelhante e exiba-o logo abaixo da vitrine de resultados de buscas.

Você também poderá inserir um chat online no canto da tela e chamar o seu consumidor com dizeres como este: “Olá, eu sou o consultor X! Em que posso lhe ajudar?”

Algumas ferramentas mais avançadas, mas não caras, irão mostrar o chat somente se o cliente permanecer por um determinado tempo na página. Isso diminuirá a quantidade de clientes que não querem comprar e atingirá diretamente aqueles que querem e estão com dúvidas.

Incentivar a interação nas redes sociais

Insira os botões das suas principais redes sociais em alguma parte do topo ou do rodapé da página de buscas para que os seus consumidores possam acessar, curtir, compartilhar e comentar os seus posts.

A participação dos consumidores nas suas redes sociais pode ajudar a fortalecer a sua marca, aumentar o Linking Building, melhorar a classificação SEO nos rankings de buscadores como o Google e converter mais em médio e longo prazos.

Além disso, crie um visual impecável com equilíbrio, alinhamento, balanço, contraste, proximidade, proporção e outros princípios do Design. Capriche no Front-end! Crie uma interface intuitiva com scripts inteligentes.

Ao longo de todo o processo de criação da sua página de buscas e-commerce, procure otimizar a User Experience (UX) e a Customer Experience (CX) para conseguir aumentar a conversão.

VTEX - CTA - Ebook: Qual é a melhor plataforma de comércio eletrônico